25.1 C
Dourados
terça-feira, 16 de julho de 2024
- Publicidade-

Alan Guedes firmou contrato com a Infraero para melhorar o funcionamento do aeroporto

- Publicidade -

O prefeito de Dourados, Alan Guedes, assinou hoje (9) um contrato com a Infraero para administrar o Aeroporto Regional da cidade. Com essa parceria, o aeroporto de Dourados passa a fazer parte dos 27 aeroportos já gerenciados pela empresa.

A experiência da Infraero em administração aeroportuária foi o fator determinante para que a Prefeitura de Dourados, anteriormente responsável pelo terminal, decidisse transferir a gestão. A partir de agora, todas as operações, incluindo a pista, o pátio, o raio-X, o canal de inspeção, a sala de embarque e desembarque, os serviços de limpeza, serão conduzidos pela Infraero, uma empresa com vasta expertise nesse setor. O próximo passo será a certificação da pista, após a conclusão da entrega pelo Exército para o SAC (Secretaria Nacional de Aviação Civil) e para a Prefeitura, possibilitando assim sua homologação. A Infraero já está trabalhando com a gente nesse processo, para diminuirmos todo o tempo possível para que, o quanto antes, os aviões voltem a subir e descer em Dourados, que é o que todos nós esperamos”, explicou Alan Guedes.

Obras de Renovações e Ajustes.

O Aeroporto Regional de Dourados está em fase final de obras de renovações e ajustes. No entanto, apesar da conclusão iminente, ainda não houve a entrega oficial por parte da Engenharia do Exército Brasileiro, que é responsável pelas intervenções. Mesmo assim, os documentos para o processo de homologação estão sendo inseridos no sistema para análise dos órgãos fiscalizadores.

“Ainda não temos uma data para a reabertura do aeroporto, já que o retorno das operações depende do aval da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) e do Decea (Departamento de Controle do Espaço Aéreo), após esse processo de análise. Então, no que for de competência da Prefeitura de Dourados, estamos nos adiantando para que, quando a entrega oficial aconteça, esses trâmites estejam encaminhados”, explica Mariana de Souza Neto, diretora-presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito).

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-