25.1 C
Dourados
terça-feira, 16 de julho de 2024
- Publicidade-

A Famasul chama a atenção para o estado das plantações de milho em Mato Grosso do Sul

- Publicidade -

O Boletim Semanal da Casa Rural da Federação da Agricultura e Pecuária do Mato Grosso do Sul (Famasul) trouxe análises relevantes sobre as plantações do estado.

Situação Atual das Lavouras

Conforme o relatório, o plantio de milho em Mato Grosso do Sul alcançou 85,7% da área prevista, ultrapassando os 83,7% registrados no mesmo período da safra anterior.

Relativamente às condições das plantações, os especialistas da Famasul avaliaram que 73% estão em boas condições, 16% em condições regulares e 10% em condições ruins.

É importante destacar que as regiões Sul-Fronteira, Sul, Sudoeste e Sudeste têm níveis consideráveis de plantações em condições ruins, enquanto que o Centro e Norte possuem 100% das áreas classificadas como boas.

Projeções e Alerta

De acordo com as previsões da Famasul, está previsto um total de plantio de 2,218 milhões de hectares, o que representa uma diminuição de 5,82% em relação ao ano anterior. A estimativa da produtividade é de 86,3 sacas por hectare, mostrando uma queda de 14,25% em comparação com a média anterior.

A Famasul salienta a importância de evitar o plantio em datas tardias, visto que áreas semeadas depois do dia 10 de março estão sujeitas a diversos riscos como seca, geadas e granizo, podendo prejudicar a safra de milho. Recomenda-se que os agricultores consultem o zoneamento agrícola de risco climático e verifiquem o histórico climático da região antes de iniciar o plantio. Dessa forma, é possível evitar uma redução significativa na produtividade e um aumento na infestação por cigarrinhas.

Fonte: Portal do Agronegócio

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-